1976: MIL NOVECENTOS E SETENTA E SEIS

76 Black

Bill Ward, Geezer Butler, Ozzy Osbourne, Tony Iommi & Albert Chapman - Foto: Black Sabbath 70s

foto 16
David Byrne do Talking Heads nos bastidores de um show gratuito na UCLA, 1976 - Foto:

foto 17

O cantor holandês Herman Brood na Hollywood Boulevard, 1976 - Foto: Brad Elterman

foto 19

Carly Simon e o marido, James Taylor, saindo da festa dos Grammies no Hollywood Palladium, 1976 - Foto: Brad Elterman

foto 20

David Cassidy no quintal de sua casa em Encino, 1976 - Foto: Brad Elterman

Mil novecentos e setenta e seis
Compilado por Mário Pazcheco


O agente da CIA Luis Posada Carriles, ligado à máfia anticastrista de Miami, considerado um dos principais terroristas do continente. Está envolvido em atentados como o assassinato do chanceler chileno Orlando Letelier, em Washington (1973), e a derrubada de uma aeronave da Cubana Aviação (1976), que deixou 73 mortos.

Foi necessário uma década para no verão de 1976, as guitarras distorcidas e enérgicas como os grupos pré-Swinging London, voltarem a serem ouvidas e gravadas nos estúdios acostumados ao experimentalismo, nesse ponto Nick Cohn, poderia orgulhar-se ao lado de todas aquelas bandas que as flores enterraram...

"Curioso que o U2 começou em 1976, o ano em que o punk mostrou as garras com seu No future niilista e a banda foi no sentido contrário".
(Jamari França).

It's the thirtieth anniversary of Max's Kansas City.
Bob Gruen - I first entered the Max's scene in 1971. An artist neighbor of mine was going there. He said I should go with him, it was a great place and we'd have lots of fun. I said, 'the restaurant? I've been there for dinner, no big deal, the food's decent'. He said 'no, you've got to come at one in the morning'. I wondered who'd go to a restaurant at one o'clock in the morning, but sure enough, after midnight the place was quite different. That was the end of the Andy Warhol time and the drag queen crowd was thinning out and the rock and rollers, the NY Dolls and Patti Smith crowd were coming in. That's where I first met David Johansen. I had made some videotapes of the Dolls at Kenny's Castaways and invited him to come over and see them. He liked them a lot, and I started working with the Dolls, making more videos and pictures for them.

But it wasn't a rock club back then.
No, it was just a back room, and upstairs they were trying to do a disco for a while. I remember the first band to play there was the Dolls, then Suicide, the Miami's. It wasn't until much later, maybe '75 and '76, when Blondie, Patti Smith and the CB's bands started playing there. (...)

Bob Gruen - In '76 my son was in Paris, which was my original inspiration for going to Europe. Jane Friedman was there with John Cale. I went to his show and met Patti Palladin and Judy Nylon and some people from the French press. I ended up working out a deal that lasted for years with one magazine there which printed many of my pictures. Because French laws made it very difficult to send money out of France, I'd wait until they owed me for several issues and then go and pick my money up, have some great meals, travel around Europe and the trip would pay for itself. I went to Paris with Blondie, toured England with the Clash, and had a great time. When I first got to London, Malcolm's was the only phone number I had. He had just started the Sex Pistols. He found me a rooming house that was really cheap and took me to a place called Club Louise, where he and a lot of the kids who were buying his clothes were hanging out.

76 Debby

R47 - Debbie Harry at Max's 1976
(C)1996 Bob Gruen

No início de 76

Glauber Rocha despreza os dois primeiros roteiros de A Idade da Terra e viaja para Moscou, onde não conhece ninguém. Do hotel, liga para a Mosfilm, a empresa estatal de cinema, comunicando que havia chegado. Durante seis dias é visitado por Natasha, uma funcionária especialista em Machado de Assis, que mostra-lhe as praças, os museus e monumentos da cidade. Pedem-lhe referências e ele dá: Luiz Carlos Prestes, secretário geral do Partido Comunista Brasileiro, deve ter ouvido falar de mim. Não apenas ouvira como comparece a uma seção especial de Deus e o diabo na terra do sol e O dragão da maldade contra o santo guerreiro, numa salas vips da Mosfilm. Prestes vai embora, elogiando, e Glauber Rocha volta ao hotel, esperando. Quando o chamam de volta, querem, naturalmente, um roteiro. O cineasta inventa um roteiro falado, de uma hora, traduzido por Natasha, e tenta derreter o gelo dos tecnocratas soviéticos com uma comparação: — Acontece comigo o mesmo que aconteceu com Eisenstein no México! Há uma nova exibição de Deus e o diabo na terra do sol. De volta ao estúdio, não há como escapar: o roteiro ou nada!. E avisam, delicadamente, que o inverno está chegando.
De Moscou, Glauber vai para Hollywood, com escala em Paris.

• Em 1976, já com Percy Weiss nos vocais, veio Jack, O Estripador. A música-título "Jack, O Estripador", além das canções "Os Bons Tempos Voltaram" e "Vou Te Virar De Ponta Cabeça", emplacaram nas rádios e colocaram o grupo em outro patamar.

76 fevereiro

   Fevereiro

   Primeira apresentação dos Sex Pistols. Na festa de Andrew Logan. John Beverley, ao lado de Susan Dallion, Steve Severin e Marc Pirroni decidem iniciar sua própria experiência musical, The Banshees.

   Março

   zzz816

   Luiz Sérgio Carlini: Dispensa apresentações. Luiz com o Tutti-Frutti  (1976)
   Mestre Carlini tornar-se-ía marca indelével do rock nacional
   Grace Lagôa© - Fotógrafa

   25 mar.

   LP Wings - At the Speed of Sound

   Abril

   Durante as apresentações de promoção do seu LP Revolver (pronúncia e título nada a ver com o homônimo dos Beatles), Walter Franco apresenta uma versão do poeta Augusto de Campos para "I’m the Walrus".

   23 abr.

   Jethro Tull lança - Too Old To Rock 'n' Roll: Too Young To Die

   21 maio

zzz2148
  

76 santa fe

   29 mai.

   Cornelius & Grupo Santa Fé, fazem sua estreia no Festival Canindé - S. Paulo, "o maior ou o mais longo show de todos os tempos".

   22 junho

   Califórnia, Glauber abandona o sossegado e velho quarto do confortável hotel Garden Courts Apartments, situado no nº 7021 da Hollywood Boulevard, antigo ponto de encontro de celebridades da tela na época do apogeu dos grandes estúdios.

   No dia seguinte, uma quarta-feira, depois de cinco anos de ausência, regressa do exílio. Vestindo um casaco de tweed, logo deixa patente que abandonou as contradições marxistas como a lei cubana de necessidade, uma explicação para a miséria da ilha de Fidel e rompido com a tirania comunista da Tchecoslovaquia.
   Em solo pátrio passa a defender os esforços para o aperfeiçoamento democrático do presidente Ernesto Geisel, a luz dentro do processo histórico, a propalada abertura: lenta, gradual e segura, o único conceito de avanço político naquele momento.

76 pop 2   Julho

   O Beatles Fã-clube do Brasil, realiza sua convenção nacional no Rio de Janeiro, no Clube Olímpico de Cobacabana.

   • É lançado o álbum-duplo Rock’n’Roll music.

   • Londres. Sai o primeiro número do fanzine punk, o Sniffing Glue ("Cheirando Cola"), seu editor é Mark Perry, bancário de 19 anos.

   2 jul.

   Beach Boys colocam Brian Wilson, mais magro e um tanto tonto, no banco do piano, em seus shows comemorativos do décimo-quinto aniversário da banda. Pela primeira vez depois de 12 anos, Brian Wilson apresenta-se com os Beach Boys, em um show em Oakland, California, Estados Unidos; na noite seguinte Brian retornou ao palco; o show foi gravado para um especial da NBC.

   4 jul.

   Ramones estreiam na Inglaterra, com show no London Roundhouse.

76 Ramones

   Joey Ramone 

   6 jul.

Damned faz seu primeiro show, abrindo para os Sex Pistols no 100 Club, Londres.

24 jul.

Joey Covington ex-baterista do Jefferson Airplane, novamente como coautor, assina "With Your Love", single de Jefferson Starship, que chegou ao 12º lugar nas paradas.

Agosto

"Neste momento, com a saída da Rita e logo depois a do Arnaldo, muitos músicos transaram com a gente: Liminha, Dinho, Manito entre outros. Influenciávamos muito por tudo que vinha de fora, o apuro técnico, o espelho. Eu punha na vitrola os disco dos melhores guitarristas, pegava um violão e ficava escutando milhões de vezes, até acertar completamente todos os solos, pois minha preocupação principal era conseguir tirar um som igual ao de um John McLaughlin ou um Steve Howe". (Sérgio Dias ao Jornal de Música e Som, nº 21).

• LP Mutantes Ao Vivo  

76 rita

20 ago.

*Teatro Aquarius - SP, 20/ago./1976
**Rita Lee (presidiária) Clube Palmeiras - SP, 16/out./76
*/**Grace Lagôa© - Fotógrafa

• Roberto de Carvalho, ingressa na banda...

21 ago.

Primeiro Festival do Punk Europeu acontece na França (Estádio Mont de Marsan, sul de Bordeaux). Participam Eddie & The Hot Rods, Damned, Pink Fairies, Roogalator, The Tyler Gang e as bandas francesas Il Baritz, Kalfont Rockchaud, Bijoux, Shakin' Street, Little Bob Story e Pashion Force.

Setembro

George Harrison é condenado por plágio pela música "My Sweet Lord", considerada uma cópia de "She's So Fine" (1962). Devido a uma hepatite, fica dois meses de repouso, o que o impede de gravar. Por esse motivo, a sua antiga gravadora pede uma indenização de US$ 10 milhões por quebra de contrato.

20-21 set.

Acontece o primeiro festival punk na Inglaterra, no Club 100. Na noite abertura tocam The Subway Sect, Siouxsie & The Banshees (o show deles consistia em uma versão maluca de The lord’s prayer, que durava 15 minutos), The Clash e The Sex Pistols. Na segunda noite apresentam-se Stinky Toys, The Vibrators, Thee Buzzcocks, Slaugther and the Dogs e The Damned.

Outubro

A EMI contrata os Sex Pistols.

• Damned lança seu primeiro compacto, "New Rose", a primeira gravação de uma banda punk inglesa. Duas semanas depois sai o primeiro compacto do Sex Pistols, Anarchy in the UK.

7 out.

Humauaca ilustre desconhecido

14,15,16-17 out.

 Vímana e Black Zé: marcando presença

Novembro

Sai o primeiro compacto do Vibrators, "We Vibrate".

zzz680

Dezembro

Os esquerdistas acusam Timothy Leary de delator... A revista americana Head tenta descobrir se Timothy Leary realmente dedou seus amigos em troca da liberdade...

Música

"No anteprojeto dos 'Doces Bárbaros', Walter Smetack estava incluído. Ele terminou não participando porque a Universidade da Bahia não podia lhe dar uma licença demasiado longa e os componentes do dito grupo, então em formação, não tiveram determinação suficiente pra forçar mais essa barra, uma vez que eles estavam forçando tantas, dentro e fora deles mesmo. Acredito que foi uma medida natural de economia do organismo do grupo e apesar da consequente frustração, um sinal de saúde". Caetano Veloso.

• Som Nosso de Cada Dia, com a formação: Pedrão, Pedrinho, Dino Vicente nos teclados e Egidio Conde na guitarra. Mostra um Som Nosso menos urbano e equilibrado com timbres de música brasileira, antecipando a jornada que os grupos progressistas brasileiros adotariam.

76 Burmah Nice Pontes© - Fotógrafa - SP, 1976

• Burmah

Banda, com quase todos os integrantes argentinos, porem residiam em SP-Brasil
Da esquerda para a direita: Eduardo Depose (guitarra), Norton Lagôa (baixo), Javier Staricco (teclados) e Juan Abalos "Piojo" (batera).

"A fotógrafa Nice Pontes era casada com o Eduardo (guitarrista), e o Norton (baixista) é meu irmão, certinho??? A Nicinha, já não está entre nós, foi pro andar de cima, já faz uns 3 anos. snif snif...". (Grace Lagôa).

• Eddy Star consegue lançar um disco, Sweet Edy; pela Som Livre.

lp-sergio-sampaio-tem-que-acontecer-raridade-18209-MLB20152176056 082014-F
• Sérgio Sampaio lança Tem de Acontecer, (pela Continental).

• Imyra, Tayra, Ipy, o grandioso LP Taiguara

"Além de canções políticas como as constantes em Imyra Tayra Ipy, nessa obra também tratou de temas indígenas, em parte como homenagem à ancestralidade guarani cujo sangue correu nas veias (seu nome, naquela língua, quer dizer 'Senhor de Si' ou 'Livre'), e assim trouxe de volta o reconhecimento dos índios como os primeiros 'donos' do Brasil.

"Inclusive, a gravadora Odeon (mais tarde EMI-Odeon) é acusada de leniência e colaboração com a ditadura, a ponto de mandar recolher a principal obra de Taiguara, Imyra, Tayra, Ipy, antes da ordem da Censura Federal, pelo recolhimento de lotes do disco em todas as lojas, com a contribuição das distribuidoras, que avisavam por telefone que os policiais estavam à caça do produto." (Luiz Carlos Taveira)

• Tim Maia Racional, Volume 2

• Tim Maia (álbum) 1976
"Foi realmente uma ousadia do Tim e nossa gravar um disco com 2 baixos e 3 guitarras, além dos usuais: teclado, bateria, percussão, 3 vocais, e ainda cordas e metais. Poderia embolar tudo, mas o resultado foi ótimo. Virou uma 'cozinha' gigante, cheia de swing. Usei um pedal Funk Machine, que tem aquele efeito 'Q', um tipo de envelope sensível à dinâmica do toque. Mais força é igual a mais ação do efeito. Era o máximo naquela época do slap. Larry Graham usava, e outros." (Antônio Pedro Fortuna)

• Belchior lança Alucinação.

76 terreno Baldio

"Faz tempo isso... Terreno Baldio - acho que em 1976 - Parque da Aclimação/SP." (João Kurk).

• "Em 76 fui convidado para tocar no Teatro Ruth Escobar com a banda Terreno Baldio. Acabei gravando com com eles o LP Além das Lendas Brasileiras e permanecendo na banda até 1978." (Rodolfo Braga).

• Paris, na famosa sala de concertos Pleyel. Dois mil espectadores, na sua maioria jovens, aclamam o músico berlinense Klaus Schulze, antigo membro do Tangerine Dream e do Ash Ra Tempel, e desde 1971 solista de eletronic rock. Schulze, numa vestimenta branca de meditação, cumprimenta os seus fãs com o sinal de um V e senta-se junto aos seus instrumentos: dois grandes sintetizadores ARP e um órgão. Das suas máquinas de som saíam tons como de flautas, pianos, trompetes, violinos e coros a muitas vozes. Klaus Schulze, ao tocar, volta as costas ao público, mas isto não parece incomodar os jovens de 15 a 18 anos, dos quais muitos ainda ginasianos. Atentos, eles escutam o borbulhar e o trovejar das máquinas de Schulze. Le Rock allemand, como ele é apresentado aqui, é muito solicitado pelos jovens franceses. Depois do concerto parisiense, Schulze fez mais 17 apresentações na França com um sucesso considerável. Além disso, ele ganhou, nesta mesma época, o prêmio da Academia Charles Cros na coluna ‘Tendências Atuais’ pelo seu LP Timewind.

"Ao vivo, o Status Quo tem um dos espetáculos mais impressionantes que já se viu no rock. O guitarrista Mike Rossi faz uma verdadeira ginástica no palco, servindo de ligação entre os músicos mexendo com o público, aumentando o volume do amplificador do baixista Alan Lancaster sem ele saber... enfim, criando um clima de loucura e muita alegria, pra todo mundo dançar" (Revista Pop, 1976).

foto 8

Foto rara de Stephen Stills se juntando a Neil Young no palco para o bis num show de Young no Pauley Pavilion, UCLA, 1976 - Foto: Brad Elterman
"Stephen Stills subiu ao palco para tocar o bis, e eles apertaram as mãos. Foi icônico. Eu tinha que recuperar esses negativos."

• O trio Crosby, Stills e Nash, depois de vários discos individuais, se reuniu em meados de 1976 gravando o excelente CSN (WEA). Nesse álbum eles guardaram as características que os fizeram famosos imprimindo - sem nostalgias - às suas novas letras os mesmos toques sábios de conteúdo social, as indagações existenciais e o melhor, aquelas inconfundíveis vocalizações em estilo country. O disco é ótimo.

• O grupo The Band que acompanhou Dylan na turnê de 1974 e documenta seu final no filme O Último Concerto de Rock - The Last Waltz, dirigido em 1976 por Martin Scorcese.
76 Batman junho

   • A volta dos Beatles em 1976: lenda urbana?

   • George Harrison lança Thirty Three and 1/3 e The Best of George Harrison (1976).

   • Joey Molland se une a Mark Clarke, Peter Wood e John Shirley e forma o conjunto Natural Gas, e lançam um LP homônimo em 1976, (saiu no Brasil), mas logo em seguida Joey saiu do grupo.

   • Peter Frampton lança o aclamado álbum-duplo Frampton Comes Alive! 1º lugar nos Estados Unidos. 2 milhões de cópias vendidas.

   • No selo capitol, Jackie Lomax lança Livin' for Lovin' (1976) was a good white soul release that failed to chart.

   • Pink Floyd realiza um concerto em benefício do ex-baterista do Soft Machine, Robert Wyatt, paralisado da cintura para baixo após cair de uma janela. Na cadeira de rodas o baterista grava uma série de ótimos álbuns se revelando um exímio vocalista. "Rock Bottom", o primeiro deles foi produzido por Nick Manson, baterista do Pink Floyd. 

   • O Canned Heat entra em recesso.

   • As fitas de Hendrix (Time/Manchete* 1976)

   Dezembro

   6 dez.

   Rock diplomático "Dia 6 de dezembro de 1976 em Brasília: estreia profissionalmente um conjunto de rock que vai fazer balançar, até mesmo por força de solidariedade familiar, todo o Itamaraty: ele é formado por um filho do embaixador Sérgio Correa da Costa que está na ONU. outro do ministro Geraldo Hollanda Cavalcanti, do gabinete do Chanceler Silveirinha (que hoje estará no Rio) e dois do secretário Romeu Zero, do Departamento Cultural". Jornal de Ibrahim Suede/O Globo - só faltou informar o nome do supergrupo - duvido que algum dia descobriremos mas fica o registro inédito do rock Brasília no apogeu da picadura digo ditadura


10 dez.

LP-tripo-Ao vivo - Wings Over America

26 dez.

África Jamaica Brasil, Jornal de Música nº 28 - 26 de dezembro de 1976

"Então Harrison costumava ficar entre John e Paul, tocando, com certa economia, sua guitarra. Procurava, propositadamente, sempre o fundo do palco e exibia-se, discretamente, ensaiando, vez por outra, uns passos de dança. Algumas vezes, também se aproximava do microfone para cantar em dueto com Paul. George vinha do fundo do palco, encostava o rosto no de Paul e os dois cantavam juntos, com uma súbita alegria. O truque tinha grande efeito e a plateia rompia sempre em gritos e aplausos. Depois disso, porém, George voltava a se recolher ao fundo do palco, tocando discretamente sua guitarra”. (Rock Espetacular, vol. I, 1976)

76 Pop 50

   Revista Pop, n. 50

76 Mautner

   Literatura

   Março

   Trio (Samuel Rawet)
   Samuel Rawet, neste começo de 1976, mora num pequeno apartamento na Asa Sul de Brasília. Da janela se veem extensos gramados, largas pistas e raros automóveis. No terreno de 160 mil metros quadrados onde se situa o seu edifício, ao lado de outros dez prédios, quase nunca se vê uma pessoa caminhando. Os automóveis entram e saem das garagens, com as luzes acesas, em baixa velocidade, quase em silêncio. Ao atingirem a pista que separa as quadras, chegam rapidamente a 100 km/h e desaparecem quase misteriosamente na distância. É como se tudo se passasse em Alphaville.

   • Ary Pára-raios cria no jornal Correio Braziliense a página Viva Alternativa, que depois dá origem ao jornal independente de mesmo nome, dirigido por Ary de 1988 a 1994, inovador em formato e conteúdo, tendo como eixo a questão ambiental. Inovador foi também o JOU – Jornal Ordem do universo, que, entre 1976 e 1977, trouxe para discussão temas ligados a cultura e ecologia, reforçando movimentos amplos anti-nucleares e anti-globalização.

   • To America with Love: Letters from the Underground (Abbie Hoffman with Anita Hoffman, 1976).

   • The Naked Angels de John Tytell, sobre o trio constituído por Kerouac, Ginsberg e Burroughs.
Em 1976, duas décadas após o surgimento da geração beat, Allen Ginsberg e William Burroughs criaram a Escola de Poetas Desencarnados, na pequena Boulder, no Colorado, parte do Instituto Naropa, que deveria ser a ''primeira universidade budista do mundo ocidental''. Sam Kashner, primeiro aluno a se inscrever no curso de literatura da escola, ali viveu por dois anos e lembra com melancolia, humor e muita ironia a pretensão de Ginsberg e Burroughs, e o que foi essa convivência diária em Quando eu era o tal: minha vida na Jack Kerouac School, com tradução e notas de Santiago Nazarian.

   • Carolyn Cassady lança Heart beat: my life with Jack and Neal (1976).

 

trem 2   • "I'm a survivor. I came through everything...Beatlemania...the Maharishi...Therapy...American immigration...I put it down to experience."
   The words of John Lennon, ex-Beatle.
   To a whole generation John Lennon is much more than just a singer, writer, or performer, he is part of a legend, a symbol of peace, love and to some, genius.
   What has made John Lennon the person he is today?
   How has he survived being one of the most famous people in the world?
   Here George Tremlett answers these questions and relates Lennon's life from his fatherless childhood to his role within The Beatles including his relationship with Paul McCartney, the influence Yoko Ono has had up on his work and his plans for the future. It is the John Lennon Story.
   Published by Futura books, Great Britain, 1976.

   • Jorge Pistocchi edita a revista Expreso Imaginario (1976-1979).

   • Keywords - A Vocabulary of Culture and Society (Palavras chaves – Um vocabulário da Cultura e Sociedade) escrito por Raymond Williams e publicado pela Fontana Press.

    Jane Bowles. Feminine Wiles. Intro. by Tennessee Williams. Santa Barbara: Black Sparrow Press, 1976.

75 MIck Farren

• Mick Farren lança The Quest of The DNA Cowboys (1976) e Synaptic Manhunt (1976)

76 zine


   Despretensioso. Talvez seja a palavra que melhor se encaixe no significado de um fanzine. Ferramenta de difusão gráfica de baixo custo e produção independente, os fanzines foram amplamente divulgados a partir da década de 60 com os movimentos de contra-cultura europeus e norte-americanos. A popularidade de um fanzine se media de acordo com a cena musical que ele cobria. Por seu caráter inovador, Punk Magazine foi o zine de maior projeção no cenário musical novaiorquino emergente dos anos 70. John Holmstrom seu cartunista e fundador, publicava desenhos no mesmo estilo da revista Mad, com um jornalismo de forma simples, direto e tirador de sarro. Ele, juntamente com Ged E. Dunn e Legs McNeil resolveram criar alguma coisa na mídia local para levantar uns trocados. Resolveram batizar o termo punk para descrever um certo tipo de música, estilo e atitude. Ramones, Lou Reed, Blondie, Iggy Pop, Sex Pistols, MC5, Patti Smith, por citar alguns artistas, foram capas das 15 primeiras edições do zine, que saíram entre os anos de 1976 a 1979. "Inferninhos" noturnos, como o CBGB, Max Kanzas City e Zeppz geravam material de publicação obrigatória no periódico, assim como os registros fotográficos feitos por Roberta Bayley, Bob Gruen e David Godli. Segundo palavras de Screaming Mad George, um de seus artistas de vanguarda, "Punk Magazine retratava um estilo batizado por nós de anti-realista. Consistia em usar uma técnica realista, mas a coisa é totalmente anti-real. É muito perto de Dali do estilo "paranóico crítico", mas diferente. Não gostamos da violência real, mas gostamos da violência criada, como aquela existente nos filmes. Este estilo nos permite desfrutar da violência falsa, mesmo que seja uma coisa muito, muito horrível. Mas isso não significa que gostemos de violência, quando ela é real. Em verdade, não gostamos de nada que seja real". (Roberta Viana da Silva)

76 Marley

High Times Magazine, September 1976

15254135

Foto de Richard Drew - 1976/Associated Press
Artes Plásticas: o artista pop Andy Warhol sorri com uma câmera fotográfica polaroid em foto tirada em 1976, em Nova York (EUA). 

Artes

Em 1976, inspirado por outra experiência visionária em que um rosto apareceu em seu dedo e lhe mandou “pintar arte sacra”, Howard Finster abandonou qualquer outro tipo de trabalho e passou a criar pinturas usando tinta de esmalte sobre madeira, lona e metal. Combinando imagens e palavras para ilustrar textos bíblicos, cada pintura é um sermão, ilustrando a mensagem do Senhor.

• Manifesto ainda que tardio – Fragmentos, assinado por Rubem Valentim.

• Carlos Vegara realiza dois novos painéis no Rio de Janeiro: um para o centro comercial na Praça Saens Peña, Zona Norte da cidade, projetado pelo arquiteto Bernardo de Figueiredo, e outro para o Rio Othon Palace Hotel, em Copacabana, na Zona Sul.

• De volta ao Rio de Janeiro, parecia que a experiência havia chegado ao fim quando, em 1976, tal como aconteceu com O Alienista, de Machado de Assis, Lygia Clark deu uma guinada de 180º. Renegando todas as experiências anteriores, ela passou a declarar-se uma «não artista» e encaminhou todos seus conhecimentos para o trabalho de terapia ocupacional.
Ato contínuo, montou no Rio de Janeiro um consultório, onde reunia grupos de pacientes, aplicando neles os mesmos testes que fizera com os visitantes de suas exposições.
As reações foram as mais contraditórias. Sempre houve quem protestasse contra o que se designava como mistificação. Registrou-se, em um ou outro momento, problemas com a aplicação desse tratamento em gente mais sensível e sugestionável. E, como acontece em tal processo, também houve reações positivas, resultando em melhora no estado de alguns pacientes que se submeteram à nova terapia.

Futebol

A carreira de Lêonidas da Silva, o Diamante Negro; no rádio é interrompida por causa da doença degenerativa da qual foi vítima: o Mal de Alzheimer. Seus comentários foram se tornando confusos e, por vezes, Leônidas esquecia o que estava falando.

Filmes

Hair. É o musical símbolo da década. O diretor checo Milos Forman queria filmar Hair desde o dia em que o assistiu num teatro de Nova York, em 1967, logo na semana de estreia. Mas a oportunidade só surgiu em 1976, pouco antes de ganhar o Oscar por Um Estranho no Ninho, quando o produtor Lester Persky decidiu que Forman, autoexilado nos Estados Unidos, seria o cineasta ideal para captar o jovial espírito de rebeldia do original.
A filmagem de Hair (custo de 12 milhões de dólares) tinha tudo para não dar certo, devido à rala estrutura dramática do texto de Gerome Ragni e James Rado, pouco mais que uma reunião de belas canções. Nem Forman nem o roteirista Michael Weller haviam feito musicais antes, e, além disso, uma remontagem da peça na Broadway em 1977 fracassara, sugerindo que Hair estava numa situação incômoda: não era mais novidade para o público jovem e ainda não envelhecera o bastante para ganhar valor nostálgico. Mas o filme, com elenco de desconhecidos, superou todos esses obstáculos A sequência de abertura, com a “tribo” dançando no Central Park, ao som de Aquarius, é arrebatadora, o mais feliz retrato até hoje feito do inconformismo algo ingênuo e inconseqüente da geração “flor e amor”. A partir daí, escorado na inovadora coreografia de Twyla Tharpe, o diretor Milos Forman consegue quase um milagre - um filme capaz de funcionar como drama, comédia e observação social. Mesmo os críticos que fazem restrições ao original reconhecem este valor - com uma exceção: David Denby, da revista New York, classificou o filme Hair como “um transplante de cabelo”.
Hair anunciava com grandiloquência que estávamos entrando na era do Aquário; era um eco astrológico da afirmação de Stockhausen: “na Era de Aquário o homem volta-se para os valores intuitivos e supraracionais”.

• Underground and emigrants, (Andy Warhol ator).

• Esta Terra é Minha Terra, diretor Hal Ashby. O kung fu David Carradine vive parte da vida de Woody Guthrie, lenda da música folk americana, influenciador de Bob Dylan e de todo os que se aventuraram numa cruzada política contra o establishment.

• Ritmo alucinante. (1976)

Obituário

Man Ray (1890 a 1976).

Josef Albers (1888 - Bottrop, Westfalen, Alemanha 1976 - New Haven, Connecticut, Estados Unidos).

Werner Heisenberg (1901-1976).

Karl Schmidt-Rottluff (1884, Alemanha - 1976, Berlim, Alemanha).

Fritz Winter (1905 - Altentebogge, Westfalen, Alemanha - 1976 - Herrsching Am Ammersee, Alemanha).

Alexander Calder (1898 - Filadélfia, Estados Unidos - 1976 - Nova York, Estados Unidos).

Raymond Queneau [1903-1976]

5 janeiro

Mal Evans (May 27, 1935 - January 5, 1976). The Beatles' road manager and friend, moved to California to settle in with girlfriend, Fran Hughes. She telephoned the police saying, "My old man has a gun and has taken valium and is totally screwed up." Upon arrival the police saw him with a rifle in his hands. They fired six shots. Four hit Mal and killed him instantly. His rifle had not been loaded.

19 março

Recém terminadas as gravações do 2º LP do grupo Back Street Crawler em um voo de Los Angeles para New York, onde iria descansar e acertar uma excursão, Paul Kossof acaba falecendo numa poltrona onde dormia calmamente, vítima do segundo e fatal enfarte.
Assim o rock inglês perdia um mestre e a chance de rever novamente o original Free, mostrando a garra e originalidade de suas apresentações.

Abril

Jef Golyscheff (1891 - Bruhl, Alemanha - 1976 - Paris, França).

Max Ernst (1891 - Bruhl, Alemanha - 1976 - Paris, França).

14 maio

Keith Relf, o cantor dos Yardbirds, falece, aos 33 anos, dez após os dias de glória no Marquee, em meio à explosão do blues na Inglaterra. Pobre Keith, que combatia a doença e os efeitos de um colapso no pulmão, e tudo pela música que tanto amava, foi finalmente morto por esse amor quando foi eletrocutado por sua guitarra enquanto a tocava em sua casa em Hounslow, Middlesex.

2 agosto

Friedrich Christian Anton Lang. (5 dez. 1890, Viena, Áustria – 2 ago. 1976), Beverly Hills, Los Angeles, Califórnia, Estados Unidos.

26 outubro 

Morre um dos principais pintores do modernismo brasileiro Emiliano Di Cavalcati.

Glauber Rocha, "Eu vim para confundir...". Outubro de 1976, filma o velório do pintor Di Cavalcanti, sob uma onda de indignação familiar e olhar perplexo dos presentes.

6 dezembro

Presidente João Goulart (1919-1976).

Juscelino Kubitschek (1902-1976). O Presidente falece em um trágico acidente automobilístico na via Dutra, perto da cidade de Resende, no estado do Rio de Janeiro.

Zuleika Angel Jones (1921-1976)

 

Articles View Hits
6827173

We have 365 guests and no members online

Download Full Premium themes - Chech Here

София Дървен материал цени

Online bookmaker Romenia bet365.ro